Saído do Forno: Franklin Richards – Filho de um Gênio

blog abreRecentemente, as bancas de jornais, lojas especializadas e livrarias estão sendo inundadas de edições encadernadas de quadrinhos de super-herói, tanto de HQs clássicas quanto de novos títulos. Uma delas é Franklin Richards – Filho de um Gênio, que foi lançada em agosto e que já chama atenção pelo seu formato diferenciado: 15cm X 23cm, menor que o tradicional formato americano. Com 220 páginas e preço de R$ 26,90, o encadernado reúne oito edições especiais do título publicado nos Estados Unidos: Franklin Richards: Son of a Genius, Everybody Loves Franklin, Super Summer Special, Happy Franksgiving, March Madness, World Be Warned, Monster Mash e Fall Football Fiasco.

O encadernado reúne oito edições "one-shot" americanas.

O encadernado reúne oito edições “one-shot” americanas.

Por conta da grande quantidade de encadernados disponíveis, demorei um pouco para me decidir se comprava ou não essa edição. A demora também foi devido ao traço infantil de Chris Eliopoulos, que não sabia se se tratava de uma revista voltada para crianças. Mas como acontece na maioria das vezes, acabei não resistindo e adquiri a edição. Posso afirmar que foi um dinheiro muito bem investido, pois o volume proporcionou uma leitura agradável e divertida.

Não, não é mera coincidência. A referência é proposital.

Não, não é mera coincidência. A referência é proposital.

Imagine que Bill Watterson, o criador de Calvin e Haroldo, fosse trabalhar na Marvel. Sem sombra de dúvidas, os personagens que ele escreveria com prazer seriam Franklin e Herbie, o robô-babá. Impossível evitar comparações entre Calvin e Franklin, a começar pelo visual das HQs. Isso, claro, é proposital, para mostrar que a Marvel também tem o seu Calvin. No entanto, se Franklin Richards pode ser tão endiabrado quanto o garoto com seu tigre de pelúcia (não me recordo dele ter essa personalidade nos quadrinhos, mas aí é que está a graça, afinal, uma criança é sempre uma criança!), o que Calvin nunca teve foi um laboratório cheio de engenhocas criadas pelo pai com uma das mentes mais brilhantes do planeta. E é aí que mora o perigo!

Franklin: superpoder de inventar confusão.

Franklin: superpoder de inventar confusão.

Para quem não sabe, Franklin Richards é o filho de Reed e Sue Richards, respectivamente, Sr. Fantástico e a Mulher Invisível do Quarteto Fantástico. Como Reed é um inventor que passa a maior parte do tempo envolvido com cálculos quânticos e teorias galácticas (isso quando não está ocupado salvando o mundo, obviamente), ele criou o robô Herbie para servir de babá ao garoto. Porém, Franklin tem um superpoder inerente a todas as crianças: a de ignorar os avisos de seu cuidador e se meter em encrencas, gerando as mais hilariantes situações.

O sarcasmo de Herbie é o ponto alto do gibi.

O sarcasmo de Herbie é o ponto alto do gibi.

Ao todo, são 40 histórias curtas, com cinco páginas cada, onde Franklin se envolve nas mais absurdas aventuras, geralmente provocadas por algum invento descontrolado do laboratório do Sr. Fantástico, que ele roubou para solucionar algum problema do seu universo infantil – como resolver uma dúvida na lição de ciências ou ganhar habilidade no futebol. O texto é repleto de tiradas sarcásticas de Herbie e as histórias contam com a presença, além de todo o Quarteto Fantástico, de outros personagens Marvel, como Dr. Destino, os Inumanos, Homem-Aranha, Hulk – com quem Franklin disputa uma barra de chocolate, numa das mais engraçadas histórias da edição – e Katie Power, a Chispinha do Quarteto Futuro (por quem Franklin tem uma queda, embora ele jamais admita isso).

Momento hilário: Franklin e Hulk brigando por uma barra de chocolate.

Momento hilário: Franklin e Hulk brigando por uma barra de chocolate.

O ponto negativo do encadernado é que, por ter uma grande quantidade de histórias, acaba sendo um pouco cansativo ler tudo de uma vez. Porém, se for degustado aos poucos, lendo uma edição americana por vez, trata-se de uma leitura agradavelmente despretensiosa e divertida, indicada a crianças (que, certamente, vão se identificar com o personagem e as situações de seu cotidiano) e adultos (que recordarão com saudade as delícias de uma infância inocente e despreocupada).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s