Saído do Forno: He-Man e os Mestres do Universo

blog abreOs He-Maníacos têm motivos para comemorar: em 2012, He-Man comemorou 30 anos de sua criação e, por conta disso, ganhou uma nova revista em quadrinhos pela DC Comics. Inicialmente, a editora do Superman e Cia. testou a receptividade do herói em edições digitais quinzenais, publicadas desde o final de junho/2012. Cada edição de Masters of the Universe enfocava um personagem do universo de He-Man até que, em setembro, chegou às comic shops o primeiro número de He-Man e os Mestres do Universo.

Era uma vez, um mundo distante com um guerreiro invencível...

Era uma vez, um mundo distante com um guerreiro invencível…

A história começa com uma grande batalha em que He-Man e seus amigos enfrentam Esqueleto e seus comparsas. Tudo não passa de um sonho do jovem Adam, que trabalha como lenhador para sustentar o pai doente numa cabana na floresta. Porém, as coisas parecem mais do que aparentam. Intrigado com seus sonhos, que se repetem constantemente, Adam decide partir e descobrir o que há além da floresta onde sempre viveu.

Xiii... lá vem encrenca...

Xiii… lá vem encrenca…

É quando ele é abordado pelo Homem-Fera, que faz de tudo para impedi-lo de partir, despertando ainda mais a curiosidade do rapaz. Ágil e habilidoso com o machado, Adam consegue escapar das garras do vilão e prosseguir sua jornada. No Castelo de Grayskull, Esqueleto (que, na verdade, é tio de Adam) se enfurece e convoca todos os seus antigos comparsas para impedir que Adam descubra quem ele realmente é.

Refém em seu próprio castelo

Refém em seu próprio castelo

A cada edição, enquanto enfrenta um vilão diferente (Mandíbula no número 2, Aquático no 3 e Maligna nas edições 4 e 5), é revelado que o rapaz teve a memória apagada e Esqueleto dominou o Castelo de Grayskull. Contudo, o vilão não conseguiu tomar posse dos tão almejados segredos do Castelo, guardados a sete chaves pela enfraquecida e dominada Feiticeira (um enredo que lembra bastante o filme Mestres do Universo (1987), com o ator Dolph Lundgreen no papel do herói de Etérnia).

Sutilezas: Provocação a Esqueleto, penas vermelhas e fala atravessada dão pistas dos personagens

Sutilezas: Provocação a Esqueleto, penas vermelhas e fala atravessada dão pistas dos personagens

Por sinal, a Feiticeira, mesmo fraca, dá um jeito de criar uma forma astral do falcão Zoar, para guiar Adam na redescoberta de sua verdadeira identidade. A história, embora tenha uma boa dose de ação – com os ataques infligidos pelos vilões – também possui ritmo lento e apresenta os personagens em doses homeopáticas: He-Man só aparece na quinta edição; antes disso, Adam reencontra Teela e Mentor (também desmemoriados) e outros parceiros, cujos nomes não são revelados, mas as pistas indicam ser Stratos e AríeteHordak também tem uma rápida participação na edição 4, muito embora seu nome também não seja citado.

Especiais trazem a origem dos personagens

Especiais trazem a origem dos personagens

Os roteiros são de James Robinson (Starman) e Keith Giffen (consagrado pela fase bem humorada da Liga da Justiça), com arte de Phillip Tan, desenhista da fase Novos 52 do Gavião Negro. Além do novo título mensal, a editora também tem lançado edições especiais. Em dezembro saiu Masters of The Universe – The Origin of Skeletor e, para março deste ano, chega Masters of The Universe – The Origin of He-Man.

Iuhuuu... irmãozinho... adivinhe quem vem para jantar...

Iuhuuu… irmãozinho… adivinhe quem vem para jantar…

Também em dezembro, o oitavo número do título digital Masters of the Universe trouxe She-Ra na capa, provavelmente preparando caminho para o título solo da heroína, irmã gêmea de He-Man.

Primeiros lançamentos em quadrinhos

Primeiros lançamentos em quadrinhos

Sucesso nos anos 1980, esta já é a quarta vez que He-Man ganha um título solo. A primeira vez foi no final de 1982, quando a DC Comics publicou uma minissérie em três capítulos escrita por Paul Kupperberg e desenhada por George Tuska. No mesmo ano, também saiu o inusitado crossover Superman Vs. He-Man, publicado na revista DC Comics Presents 47.

Marvel e Image também publicaram o herói

Marvel e Image também publicaram o herói

Em 1986, os direitos do personagem foram comprados pela Marvel, que publicou uma série pelo selo Star Comics, voltado para o público infantil. O título durou apenas 13 edições. Em 2002, a Image Comics ensaiou um retorno do personagem, com duas minisséries, uma em quatro capítulos (que chegou a ser lançada no Brasil) e outra em seis partes. Com as comemorações dos 30 anos de He-Man, podemos aguardar uma volta triunfal do herói à mídia. Mesmo depois de três décadas, o defensor de Etérnia prova que ainda tem a força.

Logo comemorativo: 30 anos de aventuras

Logo comemorativo: 30 anos de aventuras

Anúncios

3 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s