Vem aí: Força Animal

A Editora Nemo, em sua política de prestigiar a publicação nacional, vem investindo num gênero até então bastante discriminado: os quadrinhos. Desde agosto, a editora criou uma linha de HQs que prima pela qualidade gráfica e preço acessível e lançou, na Bienal do Livro de São Paulo, o álbum 20.000 Léguas Submarinas, obra de Júlio Verne adaptada por João Marcos (Roteiro) e Will (desenhos), além dos belgas Boule & Bill, de Laurent Verron, em dois álbuns: Ao Ataque (agosto) e Semente de Cocker (previsão de lançamento para outubro).

Capa da edição de estreia

A editora decidiu investir também na linha de super-heróis, com o lançamento da equipe Força Animal, criada por Wellington Srbek (textos) e Kris Zullo (arte). O grupo é formado por quatro jovens com poderes inspirados em animais da fauna brasileira. Além disso, cada jovem é campeão em uma modalidade esportiva, bem ao estilo do brasileiro, que tem uma relação bem íntima com os esportes (curiosamente, o autor não colocou nenhum jogador de futebol).

Jovens, esportistas, amantes da natureza… e super-heróis!

Ao terem contato com Naturalis, uma criatura elemental protetora da Natureza, os quatro amigos adquirem amuletos místicos que lhes conferem poderes animais. Assim, o corredor Jonathan se transforma em Jaguaruna, a bela Helena, praticante de ginástica olímpica, se torna Harpia, o judoca Tales vira o herói Tatu e o nadador Artur (aparentemente, o mais jovem da equipe) passa a ser conhecido como Aruanã. Juntos, eles enfrentarão Lorde Decano e seus lacaios formados pela poluição e dejetos industriais. A série será quadrimestral, com 20 páginas de quadrinhos e já estão previstas mais três edições para 2013.

Força Animal tem poderes baseados em animais da fauna brasileira.

O criador da HQ também é roteirista de outra série de Editora Nemo, a Mitos Recriados em Quadrinhos que conta, por exemplo, de onde surgiram as histórias, os textos escritos e a lenda indígena do Sol e da Lua.  Nas palavras do diretor executivo da Nemo, Arnaud Vin, a Força Animal é a cara do Brasil. “Quando vi a HQ e seus desdobramentos, logo percebi a qualidade dessa turma de jovens personagens, e soube que o lugar deles era na Nemo. Enfim, super-heróis nossos, alegres e cativantes”, disse ele.

Literatura ao alcance de todos

A editora promete muitas surpresas e novidades para os próximos meses, dentro da linha Quadrinhos para todos, que é como ficou batizada a de HQs. Publicações nacionais de qualidade e com preços acessíveis é a injeção de ânimo que o mercado brasileiro precisa para que o público perceba que não são só os americanos que sabem fazer quadrinhos. Para conhecer outros títulos e obter mais informações sobre a Força Animal, visite o site da Editora Nemo.

Anúncios

1 comentário

  1. Pingback: O X da questão: “Vem aí: Força Animal” | Grupo Editorial Autêntica

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s