Deus do trovão genérico (e outras bizarrices)

Olha pra minha cara de boa vontade.

Fãs de quadrinhos do mundo inteiro aguardam com ansiedade a estreia de Thor, próxima produção da Marvel Films, que estreia no dia 6 de maio nos Estados Unidos (no Brasil, chega uma semana antes: 29 de abril). O filme, porém, não é o único a ter o deus do trovão como protagonista: a produtora The Asylum, especializada em produções direto para o mercado de DVD, de gosto duvidoso e de criatividade zero anuncia o filme Almighty Thor. A canastrice é tanta que a data de lançamento do filme é 10 de maio, na mesma semana em que a produção da Marvel chega aos cinemas. E, certamente para evitar problemas autorais, mudaram a alcunha do deus do trovão, que de “Poderoso” (Mighty) passou para “Todo-Poderoso” (Almighty).

Figurino "favela da Rocinha" para o pai dos deuses

Apesar disso, todos os deuses nórdicos (por fazerem parte da mitologia, nada impede que os nomes sejam usados) estão lá: Loki, Odin, Asgard e os amigos de Thor, “Baldir” e “Hindall”. A sinopse diz que “quando o ‘deus-demônio’ Loki destrói a fortaleza de Valhala e rouba o ‘martelo da invencibilidade’, somente o jovem herói Thor pode proteger a Terra do Armagedom.” Dá vontade de dar com um martelo na cabeça!

Mas esta não é a primeira produção mequetrefe da “The Asylum”. A produtora copia descaradamente a trama de grandes blockbusters e lança no mercado de vídeo, muitas vezes até confundindo o consumidor, que pensa estar levando aquele filme que viu no cinema e comprando gato por lebre. Veja alguns filmes da produtora:

Se o original é ruim, tenho medo de ver a cópia...

Pare o mundo que eu quero descer!

Nem precisa código para decifrar o plágio

Não é a sua "High School" comum. Ah, tá...

Este filme vai virar lenda

Se cuida, Schwarzenegger!

Qualquer semelhança com "Tubarão" não é mera coincidência.

Elementar, meu caro Robert Downey Jr.

Se no avião já foi uma bomba, imagine no trem...

"A batalha final entre homens e máquinas"

Xiii... parece que os homens foram os "derrotados"

Será que ela chega aos 40?

"Quem quer que vença, nós perdemos!" Pura verdade!

Além desses, há também os grandes clássicos do cinema trash, como Mega Shark X Crocossaurus. Até o Godzilla teria medo! Não deixa de ser surpreendente ver nomes conhecidos e consagrados como Famke Jamsen (a Jean Grey da trilogia X-Men), Lance Henriksen (da série Millennium), C. Thomas Howell (E.T., o Extraterrestre) entre outros neste tipo de produção. Mas uma coisa temos que reconhecer: a produtora escolheu bem o nome (Em português, The Asylum quer dizer “o hospício”). Alguém discorda?

Eu não sou louco, sou Loki!

Anúncios

3 comentários

  1. Nossa muito ruim, os nomes são ótimos. Vc é terrivel pra fussar estas porqueiras hemmm.
    Posso fazer uma encomenda, gostaria que este tão respeitado blog fizesse uma matéria sobre o Capitão Asa um apresentador de programa infantil dos anos 70 onde passavam as animações “toscas” como hulk, capitão américa e Thor. adoraria saber por onde ele anda, ou se já viajou pro espaço. Eu o adorava… um abraço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s