Parabéns, Charlie Brown!

Esta é a semana das comemorações nos personagens de quadrinhos e desenhos animados. Quinta-feira celebramos os 50 anos dos Flintstones e hoje, dia 2 de outubro, é a vez de Charlie Brown e companhia comemorarem 60 anos de vida.

O criador e a criatura

Foi em 1950 que circulou, pela primeira vez, a tira Peanuts, em sete jornais americanos. Escrita pelo cartunista Charles M. Schulz, em pouco tempo os personagens encantaram leitores do mundo todo com seu humor inteligente e recheado de inocência, mas com pitadas filosóficas. Aliás, filosófico é o adjetivo que mais cabe a Charlie Brown, o “minduim” (o peanuts – amendoim, em inglês – da série). Ele é o protagonista das tirinhas, que apareceram em mais de dois mil jornais, de 72 países, traduzido para cerca de 21 línguas diferentes.

Snoopy sempre viajou na sua imaginação

Peraí, mas o protagonista não é o Snoopy? Na verdade, não – se fosse, a tira não se chamaria Peanuts. A questão é que Snoopy é mais um daqueles casos em que o coadjuvante rouba a cena do protagonista. O cãozinho representava tudo aquilo que seu dono não era: é autoconfiante, perspicaz, tem opinião própria e os pés no chão – bem, ao menos quando não está no telhado de sua casinha sonhando que é um ás da aviação na primeira guerra mundial ou vivendo a personalidade do descolado Joe Cool. Esse contraponto entre os sentimentos que permeiam e moldam o caráter humano é que fizeram o sucesso das tiras. Afinal, todos nós podemos nos enxergar nas situações vividas por Charlie Brown, Linus, Lucy, Sally, Patty Pimentinha, Marcie, Schroeder e, claro, Snoopy e o passarinho Woodstock.

A primeira tira: caso de amor e ódio

A evolução dos personagens

Charlie Brown é o eterno desprezado. Vive melancólico e depressivo, lamentando sua própria sorte. Apesar disso, é um grande cara. A primeira tira publicada em 2 de outubro de 1950 deixa isso bem claro quando um menino desconhecido – que não tem o nome revelado – ressalta que Charlie Brown é uma pessoa especial e, por isso, é motivo de inveja. Como é possível uma pessoa tão especial e carismática viver assim, em constante estado meditativo? É com Charlie Brown que Schulz questiona os mistérios da vida e os sentimentos que nos cercam.  E os outros personagens também vão, ao seu modo, mostrando uma das facetas da personalidade humana.

Capa da Time: "o mundo segundo Minduim"

Sally é a irmã birrenta e mimada de Charlie Brown, que enxerga o mundo como se girasse ao seu redor; Lucy é a menina de personalidade forte e decidida. Em certos momentos, até chega a lembrar a Mônica, de Mauricio de Sousa, com seu temperamento intempestivo. Linus, por sua vez, é aquele que passa otimismo e segurança a Charlie Brown, mas ele mesmo esconde suas inseguranças atrás de um cobertor do qual não larga um minuto. Schroeder é o amante das artes, o mais sensível, pianista desde criança e fã incondicional de Beethoven. Patty Pimentinha, a garota romântica e Marcie, a submissa e cuca fresca. Todos têm um pouquinho de cada leitor e cada leitor tem um pouquinho deles, representado em quadrinhos. Era sério, mas era engraçado. Era divertido, mas fazia pensar.

amigos eternos

O autor escreveu as tiras por quase 50 anos, até dezembro de 1999. O material inédito continuou a ser publicado até 13 de fevereiro de 2000. Um dia antes, o escritor dava adeus a este mundo, não sem antes se tornar imortal por meio de sua obra.

Coletânea de tiras

Snoopy foi adaptado para a TV na metade dos anos 60 e teve mais de 40 desenhos animados produzidos, muitos deles disponíveis em DVD. Além disso, a L&PM Editora está lançando uma coletânea com a obra completa de Charles Schulz em ordem cronológica. É um material obrigatório para quem deseja conhecer e se aprofundar mais na obra deste importante cartunista ou simplesmente curtir as divertidas histórias de Charlie Brown e seus amigos, que trazem lições fundamentais para o universo adulto sob o ponto de vista infantil. Com simplicidade, ternura e inocência, o mundo pode ser um lugar bem divertido.

Feliz aniversário, Charlie!

Anúncios

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s